segunda-feira, outubro 02, 2006

CENTRAIS DE BIOMASSA

Estão entregues as candidaturas para o concurso lançado pelo Governo para a construção de 15 centrais termoeléctricas a biomassa florestal. No total foram entregues 36 candidaturas, sendo a central da Sertã aquela que atraiu mais concorrentes.
Após a abertura pública das propostas, a Direcção Geral de Energia informou que os lotes com maior potência (10 e 11 MW) foram os que mais candidaturas receberam, havendo dois dos três lotes de menor potência (2 MW) que não receberam qualquer proposta.

O lote 13, até 10 MW, no distrito de Portalegre, recebeu as candidaturas da Biomassas de Portalegre e da EDP – Produção Bioeléctrica, SA.

As centrais de produção de energia eléctrica a biomassa florestal utilizam como combustível a matéria florestal proveniente da silvicultura e dos desperdícios da actividade florestal. Assim é possível utilizar um resíduo que normalmente é depositado em aterro.
A valorização da biomassa florestal faz parte da estratégia nacional para a promoção e desenvolvimento das energias renováveis e de combate aos fogos florestais. Permite ainda reduzir a importação de combustíveis fósseis, como por exemplo o petróleo, e a emissão de dióxido de carbono para a atmosfera.

Os resultados do concurso, para o qual a entrega de propostas terminou no passado dia 19, deverão ser conhecidos no início de 2007. Os investimentos rondam os 250 milhões de euros.
Resta-nos portanto esperar para começar a valorizar os resíduos florestais, conseguindo assim produzir energia eléctrica.

SAUDAÇÕES AMBIENTAIS

Site recomendado – www.dge.pt – Página da Direcção Geral de Geologia e Energia

2 comentários:

Mónica disse...

Gostaria de deixar um enorme beijinho de parabéns ao nosso amigo Luís Nogueiro, a este dignissimo "redactor ambiental" (++++) que completou mais um ano de vida, a 10 de Outubro...
Muitas felicidades...
Mónica
++++++++++++++++

Mónica disse...

Mónica Mendes (em caso de dúvida)
hehehe...
++++++++++++++